IWMF Comunicado de Iniciativa de Relato dos Grandes Lagos Africanos 2018 para mulheres jornalistas - Novembro 2018 (Totalmente Financiado para a República Centro-Africana)

Chamada para Candidaturas: Relatando Fellowships para Ruanda e República Democrática do Congo, maio 2018

Prazo final da inscrição: Agosto 21, 2018 no 11: 59 PM EDT.

Como parte do IWMF's African Great Lakes Reporting Initiative, jornalistas do sexo feminino serão selecionados para viajar para Bangui, a República Centro-Africana (CAR) de novembro 1 - 17, 2018. Embora não haja um tema específico para nenhuma das viagens, incentivamos os participantes a priorizar novas histórias que enfoquem as novas narrativas da mídia da região.

Os bolseiros de reportagem começarão a sua viagem em Nairobi, onde concluirão uma formação abrangente sobre segurança e primeiros socorros, bem como uma orientação sobre a região dos Grandes Lagos Africanos. Os bolsistas partirão para 10 dias de reportagem no país, durante os quais terão a oportunidade de interagir com outros jornalistas, relatar de forma independente e colaborativa com seus pares e obter acesso a uma variedade de fontes e sites relacionados ao tema da viagem.

Some of our reporting programs involve travel to high-risk, dangerous, or conflict-afflicted locations. As part of our commitment to the safety, health, and welfare of our program participants and staff, we evaluate the nature and scope of risk on a case-by-case basis. We do so by seeking guidance from key stakeholders including our travel risk management and medical evacuation provider, On Call International, and when appropriate, we consult other sources that may have relevant information, including the CDC, State Department, and Control Risks, for example.

Benefícios:

  • A IWMF organiza a logística de viagens e no país para todos os bolsistas. A IWMF também cobre os custos relacionados à irmandade dentro da estrutura da viagem de relatório, incluindo viagens, hospedagem, refeições e fixadores / intérpretes, a menos que a organização de jornalismo de um jornalista selecionado deseje assumir esses custos.
  • Os custos com vistos também serão cobertos, mas os bolsistas que moram fora dos EUA são responsáveis ​​pela obtenção de todos os vistos necessários. Os jornalistas aceitos no programa assumem responsabilidade por todos os riscos inerentes à notificação de uma zona de conflito. A IWMF reserva-se o direito de adiar ou cancelar a viagem de relatório do CAR se a situação no solo se deteriorar e for considerada perigosa para prosseguir pelo nosso pessoal da IWMF e pelos assessores de segurança.

Critério de eleição
Os candidatos devem atender aos seguintes critérios de elegibilidade:

  • Deve ser uma jornalista feminina com pelo menos três anos de experiência profissional trabalhando em mídia de notícias. Repórteres que trabalham em mídia impressa, de transmissão ou digital, incluindo freelancers, são elegíveis.
  • Applicants must have good written and verbal English skills in order to fully participate in and benefit from the program. French language skills also preferred.
  • Deve ter experiência relatando de um ambiente hostil e, de preferência, terá tido relatos de experiência da região dos Grandes Lagos na África.
  • Deve ser capaz de demonstrar o apoio de um editor ou ter um histórico comprovado de publicação em meios de comunicação de destaque.

Veja um exemplo completo de aplicação aqui.

Para maiores informações:

Visite a página oficial da bolsa de iniciativa da African Great Lakes Reporting Initiative

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.